Gilbardeira – Ruscus aculeatus L.

O Ruscus aculeatus L., de nome comum Gilbardeira, também conhecida por Pica-ratos e Giesteira-das-vassouras, é uma espécie autóctone que faz parte da flora silvestre de Portugal Continental e Açores. Pertencente à família das Asparagaceae, esta espécie apresenta uma grande plasticidade ecológica, encontrando-se em habitats como matos sob coberto de bosques, podendo também aparecer em matos mais ou menos xerofílicos e em areias do litoral. Esta planta é sensível à geadas ou quedas bruscas da temperatura, contudo consegue estar presente em altitudes superiores aos 1000 m, com défices hídricos longos.

A Gilbardeira (Ruscus aculeatus L.) é um pequeno arbusto, com caules simples ou ramificados e folhas caulinares rudimentares, onde na sua axila se formam ramos ou cladódios foliáceos (caule achatado ou laminar especialmente adaptado à função fotossintética, mas que detém a sua função de caule inserindo-se nele por vezes ramos, folhas reduzidas e flores). Estes ramos, por serem muito rígidos e ásperos eram utilizados tradicionalmente para fazer vassouras, dai também o seu nome vulgar de Giesteira-das-vassouras.

As suas flores são unissexuais, pois trata-se de uma espécie monóica (com flores unissexuadas, masculinas e femininas, no mesmo indivíduo). A floração prolongasse entre março e junho e a maturação dos seus frutos tem lugar a partir do mês de agosto. Esses frutos são umas pequenas bagas não comestíveis, inicialmente verdes mas que vão passando a vermelhas quando maduras.

A Gilbardeira tem vindo a ser usada ao longo dos tempos, como planta medicinal, pelas características particulares dos seus rizoma e das suas raízes. No passado a Gilbardeira foi muito utilizada em arranjos de natal, levando à colheita descontrolada e ao decréscimo desta espécie nos nossos matos. Por esta razão foi necessário incluí-la na lista de espécies com interesse conservacionista na Europa, segundo consta na Diretiva 92/43/CEE do Conselho de 21 de maio de 1992.

Isabel Garcia Cabral (bióloga)

Bibliografia

Franco, J. do A., Afonso, M. da L. da R.. 1994. Nova Flora de Portugal (Continente e Açores). Alismataceae – Iridaceae. Vol. III. Pp. 101. ISBN: 972-592-081-3

Flora de Portugal: https://jb.utad.pt/especie/ruscus_aculeatus

Glossário: https://www.uc.pt/herbario_digital/learn_botany/glossario/

Diretiva ICNF: http://www.icnf.pt/portal/naturaclas/rn2000/dir-ave-habit/dir-q-sao#hab; http://www.icnf.pt/portal/naturaclas/rn2000/resource/docs/diret-habit